Dicas para uma mudança sem stress.

Recentemente me mudei, no meu caso não apenas de casa como de cidade.

Mudança pode ser sinônimo de confusão e desgaste, mas se você souber planejar bem, o processo pode ser tranquilo. Decidi então, aproveitar minha experiência para dar dicas de como encarar uma mudança sem grande stress.

Alguns pequenos detalhes fazem toda diferença.

1. Faça o orçamento com pelo menos 3 empresas de mudança – isso vai te ajudar na decisão de qual empresa contratar. Se os custos forem muito dispares desconfie, algumas empresas enviam o orçamento sem ver exatamente o que será transportado e depois na hora da mudança acabam cobrando adicional.  

2. Mesmo tendo contratado o serviço de empacotamento, peça para a empresa enviar algumas caixas, antes do dia definido para mudança, com elas você já pode embalar itens delicados, documentos pessoais, objetos de valor etc…

3. Mudança é um excelente momento para você rever tudo que possui e fazer o descarte daquilo que não usa mais. Não leve para o novo endereço coisas desnecessárias, que você não usa. Desapegue!

4.  No dia do empacotamento, é muito importante ter alguém acompanhando a identificação das caixas. Certifique-se que o conteúdo e o cômodo ao qual se destina a caixa foram corretamente identificados (Ex: Quarto de casal – sapatos femininos). Isso vai facilitar muito na hora de desembalar.

5. Se você não contratou esse serviço e vai empacotar pessoalmente, certifique-se de usar materiais corretos como plástico bolha ou papelão para proteger louças e objetos delicados. Por mais cuidadosos que sejam, o transporte requer um empacotamento adequado para evitar itens danificados.

6. Pode parecer muito óbvio, mas não misture itens no empacotamento, procure categorizar.

7.  Depois de tudo empacotado, faça uma checagem geral nos armários para ver se nenhum item ficou para trás. Eu descobri uma frigideira e um pé de sapato esquecido no fundo no armário rsrsrs….

8. Planeje com antecedência onde você irá alocar cada móvel no novo espaço. Os carregadores costumam colocar os móveis já desembalados no respectivo local. Se você não sabe onde cada peça será colocada haverá uma grande perda de tempo ou você terá depois, que mudar o móvel de lugar sozinha.

9. Destine um dos ambientes para colocar as caixas na chegada da mudança ou se houver espaço já coloque as caixas nos respectivos cômodos. Lembre-se que você não conseguirá abrir todas as caixas no dia seguinte, portanto é importante que elas não fiquem espalhadas para que você possa transitar pela casa.

10. Defina prioridade para ir abrindo as caixas. Deixe itens de menor uso para o final.

11. No primeiro momento você pode tirar as coisas das caixas e colocar no armário para então, numa segunda etapa, organizar. Com isso você ganha tempo para se ver livre das caixas que dão aquela sensação de desordem ao ambiente.

12. Na hora de organizar lembre-se de seguir os critérios de categorização e de deixar a altura dos olhos tudo aquilo que é usado com mais frequência.

13. Leve numa mala de mão um kit sobrevivência com uma muda de roupa, lençóis e higiene pessoal. Assim você não precisa ficar abrindo caixas buscando os itens.

14. Na chegada a nova casa, priorize a organização da cozinha e cômodo onde irá dormir, assim você conseguirá fazer a casa funcionar no dia seguinte.

15. Faça com antecedência, uma lista de todos os locais onde você deve fazer sua alteração de endereço ou cancelamento de serviços (TV à cabo, internet, revistas, conta de telefone, fatura do banco e etc) e certifique-se de tudo foi devidamente alterado.

Foto: Pinterest